Cibercultura, Internet

Mais da metade do tráfego na internet não é feito por humanos

Menos da metade do tráfego da internet é feito por pessoas. Segundo estudo da provedora de segurança na nuvem Incapsula, humanos representam 49% do que é feito na internet.

Via Olhar Digital.

Os outros 51% são divididos entre atividades de softwares e a maior parte é maliciosa. De acordo com o estudo, 5% do tráfego é de ferramentas de hackers procurando vulnerabilidades em sites, 5% é de atividade de sites que copiam outros para enganar usuários (chamados scrappers), 2% é feito por spammers de comentários em sites, 19% é feito por “espiões” que coletam dados pela rede e 20% por mecanismos de busca – que não são maliciosos, mas não são feitos por humanos.

Segundo a empresa, a maior parte do tráfego de não-humanos é praticamente invisível, já que não é mostrado em softwares de análise de tráfego.

“Poucas pessoas percebem como muito do próprio tráfego é feito por não-humanos e a maior parte pode ser prejudicial”, disse Marc Gaffan, co-fundador da Incapsula, para a ZDNet.

Padrão

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s