Pessoal

Feias ainda por mais um longo tempo.

Você já mudou? Já sentiu que tem a possibilidade de lidar de maneira diferente com questões que anteriormente eram difíceis? Você tem certeza disso? Dessa mudança? Ela parece forte e real não? Será mesmo? talvez sim. Provavelmente sim.

Mas notou que essas certezas só chegam quando não temos mais como falar sobre isso, quando aqueles que tinham que saber já não escutam mais, e não escutam mesmo.

Posso afirmar que não se quer voltar no tempo e, geralmente, nem passar pelas mesmas situações novamente para coloca-las a prova, mas sim, o que se quer, é fechar o circuito da mudança.

Em certas questões somos como lagartas, que mesmo agora borboletas, não voam, não completam o circuito, estão trancadas pelo passado no casulo. Feias ainda por mais um longo tempo.
Lucio Uberdan

Padrão

4 comentários sobre “Feias ainda por mais um longo tempo.

  1. Anonymous disse:

    Oi Lu..
    Realmente sei sobre esse casulo..Sobre estar preso no passado.. Os dias passam, os anos passam. e, as mudanças ocorrem..Mas aqui dentro, bem dentro, há algo que continua parado no tempo, parado num instante, e esse momento é revivido diarimente..Eu sei..
    Bjus lindo..

  2. Anonymous disse:

    Ah, outra coisa, ADMIRO sua coragem: exposição.
    Suas fotos deixam claros alguns “sentimentos”, assim como os assuntos de postagem.
    ABRAÇO

  3. Lucio Uberdan disse:

    =)
    é, vamos carregando junto da gente muitas coisas não? Mas bem, é isso….
    as fotos é algo bem recente, novo para mim, principalmente as que são de minha própria pessoa, rosto, corpo, etc….
    to curtindo, que bom que gostou =)
    bj
    Lucio

  4. Nenê disse:

    Sim, mudamos enquanto aprendemos a lidar com as mesmas situações de maneira diferente, é difícil, mas crescemos…ficamos mais fortes e/ou naturalizamos os acontecimentos… A certeza se faz, se apresenta quando não há mais como mudar.
    Não é preciso voltar no tempo, o que vivemos fica gravado em nós, não se apaga… e os ciclos da nossa vida se fecham quando aprendemos e compreendemos o que fez parte de cada etapa.
    Agora borboleta, o primeiro ciclo tá completo… agora é se perceber, se permitir, não há o que temer… é voar e encantar com a tua beleza… Beijossss
    (…alma daqui do lado de fora, nenhuma forma de trauma sobrevive…)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s